CRO: Entenda como essa técnica pode melhorar a conversão do seu site.

Se você tem ou pensa em ter um empreendimento online, certamente já ouviu falar que na internet há muita concorrência e que as coisas são muito mais complexas do que parecem. E é verdade.

Além da alta concorrência, há um fator importante e que muitas vezes passa despercebido quando olhamos para o funil de vendas de uma empresa: A funcionalidade do site.

Um site pode ser muito bonito e visualmente agradável e ao mesmo tempo não ser funcional quando falamos de conversão. E é aí que entra o CRO.

O que É CRO?

CRO é a sigla para Conversion Rate Optimization ou Otimização de conversão em português e trata-se de uma estratégia de marketing digital utilizada com o objetivo de melhorar a conversão de um site.

Essa estratégia consiste em um conjunto de técnicas que são colocadas em prática de maneira estruturada e contínua para melhorar a performance de um site.

O que é Conversão?

Para que você tenha o entendimento completo do que é o CRO, é importante saber também o que é conversão. A conversão está ligada às ações que um visitante pode tomar em seu site e está diretamente ligada ao seu objetivo.

Se você tem uma loja, seu objetivo deve estar relacionado a converter visitantes em clientes, ou seja, a sua conversão está relacionada ao número de visitantes que finalizam uma compra.

Apesar do exemplo acima ser o mais popular, o CRO pode ser aplicado nos mais diversos ramos de atividade, não somente no comércio. Aqui vão alguns exemplos de conversões que não estão necessariamente relacionadas à venda:

1- Preencher um de formulário;

2- Baixar um ebook;

3- Solicitar um orçamento, entre outros.

Por isso, é importante que você entenda quais são as metas que você deseja alcançar com seu site.

Calculando a taxa de Conversão

O CRO  tem como objetivo melhorar o aproveitamento do tráfego do seu site. Por exemplo: Se uma loja finaliza uma venda a cada cem visitas, sua taxa de conversão é de 1%.
O objetivo do CRO é fazer com que desse mesmo número de 100 visitantes, possam ser realizadas mais vendas. Com essa otimização da conversão, você conseguirá reduzir o CAC ( Custo de aquisição de cliente). Isso significa que você consegue vender mais sem aumentar o seu investimento em tráfego

Por onde devo começar?

O Primeiro passo é identificar onde podem estar os gargalos do seu site. Através de estudos de navegação dos clientes, é possível entender quais são as páginas mais acessadas, onde há maior perda de usuários e então construir hipóteses que serão analisadas através de testes A/B.

Os pontos de melhoria podem estar relacionados ao custo de frete dos produtos, falta de descrição/demonstração de produtos, entre outros

Em seguida, é recomendado que você faça testes implementando mudanças de acordo com as hipóteses levantadas.

Por último, mas não menos importante, você deve analisar os resultados obtidos para confirmar quais hipóteses trazem maior retorno de conversão.

É importante ressaltar que sempre existem pontos de melhoria. Independente do tamanho da sua loja ou quanto você consiga converter, sempre é possível melhorar a usabilidade do seu site ou até mesmo torná-lo mais agradável visualmente.

Agora que você já sabe o que é CRO e sua importância para a sua loja, não deixe de nos consultar a respeito da Evolução de e-commerce, um serviço da simples. Inovação focado em CRO para fazer o seu e-commerce vender muito mais. Fale com um de nossos especialistas. 

O que é SEO e para o que serve?

Você com certeza conhece o Google e sabe como ele nos ajuda no dia a dia, seja para aprender algo novo, encontrar uma loja, produto ou serviço. Por ser o mecanismo de busca mais conhecido e utilizado, vamos falar bastante dele nesse post sobre SEO.

O que você talvez não saiba é que, ao criar o seu site, o Google, assim como qualquer mecanismo de busca, tenta inserir o seu site nas listas de resultados de pesquisa, a fim de que as pessoas possam encontrá-lo mais facilmente.

Contudo, milhares de sites são criados todos os dias, então como os buscadores podem organizar e ranquear todos eles de maneira justa? A resposta é que as páginas mais relevantes tendem a aparecer primeiro nas buscas, de maneira orgânica.

Isso acontece porque o Google rastreia os sites através do seu robô e, a partir de algoritmos, será determinado quais sites são mais relevantes e devem aparecer no topo da página de resultados. Esse ranqueamento é feito a partir de centenas de fatores que falaremos adiante e tudo isso é feito pensando na experiência do usuário.

A boa notícia é que você pode melhorar o ranqueamento do seu site aplicando algumas técnicas, que são popularmente conhecidas como  SEO. 

O que é SEO?

SEO é a sigla para Search Engine Optimization, que em português significa “otimização para mecanismos de busca” e trata-se de uma série de técnicas para melhorar o ranqueamento orgânico do seu site nos mecanismos de busca.
Como o nome sugere, o SEO consiste em fazer melhorias em uma página para que ela apareça nos sites de busca. Essas melhorias podem ser criação de URLs (link das páginas) personalizadas, criação de textos com palavras-chave relevantes, entre outros. 

Além de receber mais visitas, estar no topo de pesquisas do Google passa bastante credibilidade para os seus clientes, por isso, A Simples Inovação traz os cinco principais fatores de ranqueamento:

1- Autoridade do site
A autoridade é um fator muito relevante, por isso é comum ver os maiores players do mercado nas primeiras posições nas pesquisas.


2- conteúdo relevante e  original
Invista em conteúdo! Os buscadores têm interesse em mostrar páginas que sejam fonte de conhecimento. 
3 – Palavra- chave
Sempre use palavras-chave no seu conteúdo. Se possível, use-as nas primeiras linhas do seu texto.

4 – tempo de permanência na página
O Googlebot também observa quanto tempo as pessoas ficam no seu site e isso pode estar relacionado a relevância do seu conteúdo.

5- Mobile dedicado
Os buscadores dão preferências para sites que já estejam adaptados para o Mobile, afinal, a maior parte das pessoas acessam a internet pelo celular.

Foque na experiência do usuário

É importante ressaltar que todas essas técnicas devem ter como objetivo oferecer uma boa experiência para o usuário, o bom ranqueamento será consequência dos esforços.

Existem práticas consideradas antiéticas pelo Google, conhecidas como Black Hat SEO. Essas técnicas visam somente a melhora no ranqueamento, ignorando a experiência do usuário e por isso infringem as regras dos sites de busca. Algumas práticas antiéticas: Inclusão de palavras ocultas, compra de links de outros sites, repetição de palavras- chave, entre outros. Essas práticas podem levar a punições e exclusão do site no buscador.

As práticas listadas nos cinco principais fatores de ranqueamento são técnicas consideradas White Hat SEO, ou seja, não vão contra as diretrizes dos buscadores, afinal, são voltadas para otimização de conteúdo do site. As técnicas de SEO tem retorno de médio a longo prazo e não são passíveis de punição.
Para saber mais detalhes, você pode acessar o conteúdo do Google sobre SEO.

Agora que você já sabe o que é SEO, como utilizar as técnicas e diferenciar o que são práticas antiéticas, esperamos que você possa colocar todas as dicas em prática. E caso precise de uma força para turbinar o seu e-commerce, temos um time de especialistas para te ajudar. 

A importância do domínio na internet

Devido aos avanços da tecnologia e aumento de concorrência, toda empresa que tem a ambição de se manter como uma forte concorrente no mercado, precisa ter presença digital. Essa necessidade vem da mudança de hábito do consumidor. 

Atualmente, o cliente é muito mais atento e cauteloso. Antes de fazer uma compra, existem grandes chances do seu cliente pesquisar preços em seus concorrentes e procurar saber mais sobre a reputação da sua loja. E, se ele não encontrar informações suficientes a seu respeito, é possível que você perca uma venda.

Contudo, sabemos que nem todos os empreendedores têm conhecimento suficiente sobre o mundo digital. Pensando nisso, a Simples. Inovação está lançando conteúdos semanalmente com o intuito de ajudar a você que precisa entender desde o básico, como: o que é um domínio e por que você precisa dele para criar um site, até temas mais complexos.


O que é um Domínio?


O domínio é o endereço pelo qual seu site será encontrado na internet. Ou seja, é um conjunto de caracteres que colocamos no navegador e nos levará até um site específico. O domínio foi pensado para substituir o IP que são os verdadeiros endereços dos sites. Mas imagine se você precisasse decorar a sequência de números do IP instagram, Facebook e todos os outros sites que você acessa?

Um domínio da internet pode ser comprado ou vendido. Por isso, ao escolher o nome da sua loja, é importante conferir se o nome escolhido está disponível para compra. Diferente do nome das páginas nas redes sociais, eles são exclusivos, portanto não há a possibilidade de existirem dois sites com o mesmo domínio. Por conta dessa exclusividade, é cada vez mais difícil achar nomes bons e que estejam disponíveis. O mesmo acontece com nomes muito comuns. 

Nomes longos ou difíceis de escrever talvez não sejam a melhor escolha



Quando falamos de nome de marca, é recomendável refletir sobre o que você gostaria que as pessoas lembrassem ao pensar na sua loja. Outra dica importante é pensar em nomes que sejam fáceis de lembrar e que não sejam difíceis de escrever, visto que isso pode dificultar que uma pessoa encontre a sua loja na rede. 



Como adquirir e registrar um domínio


Para começar, é importante saber que “comprar o domínio” não necessariamente significa que você fará uma única transação. O mais comum é que você reserve os direitos de uso do domínio por um tempo determinado, que pode ser por um ano, por exemplo.

Após verificar que o nome escolhido está disponível, você precisará registrá-lo em um provedor de hospedagem ou registrador de domínio. Para manter os direitos de uso do domínio, será necessário renová-lo antes do vencimento do período contratado. Caso contrário, seu site sairá do ar e o domínio voltará a ficar disponível para registro novamente.

Agora que você já sabe tudo sobre domínios da internet, basta escolher um nome que combine com a sua marca e tirá-la do papel. E, se precisar de ajuda, a Simples. Inovação tem mais de 300 projetos digitais realizados. Conte conosco para ser o seu parceiro ideal.