A importância do remarketing para a conversão do seu e-commerce

A taxa de conversão é um indicador muito importante para o e-commerce. Afinal, é através desse indicador que conseguimos calcular quantos dos visitantes finalizaram uma venda. No Brasil, a taxa de conversão média ainda é bem baixa, oscila entre 1% e 2%. Por isso, é importante pensar em estratégias que melhoram a taxa de conversão da sua loja e é aí que entra o remarketing para e-commerce. 

O que é remarketing? 

Antes de começarmos, é importante esclarecer que remarketing para e-commerce e retargeting são estratégias muito parecidas e você pode achar conteúdos voltados para esse assunto usando os dois termos. Remarketing é o nome da ferramenta que o Google criou para fazer retargeting e você entenderá mais sobre isso a seguir. O remarketing ou retargeting são técnicas de marketing digital para impactar pessoas que já tiveram contato com algum produto/serviço através de uma pesquisa no Google ou visita em uma loja, por exemplo. Após isso, uma série de anúncios relacionados àquele assunto começam a aparecer em suas redes sociais ou páginas visitadas. Isto é o remarketing acontecendo 

Qual é o objetivo do remarketing? 

O objetivo do remarketing é aumentar a taxa de conversão. Quando falamos de e-commerce, podemos entender que o remarketing tem o objetivo de aumentar a quantidade de vendas. Considerando que um e-commerce tem a taxa de 2% de conversão, sobram 98% de visitantes que viram o produto mas não optaram por finalizar a compra de imediato. Isso não quer dizer que estes usuários não tenham qualquer interesse em seu produto, mas podem estar pesquisando preços, pensando se é o melhor momento para compra, afinal, a jornada do cliente passa por diversas etapas até que ele de fato decida comprar. E se ele continua visualizando o seu produto ao abrir um site de notícias ou rolar o feed do instagram, as chances de que ele volte a considerar a compra aumenta substancialmente.

Fases da jornada do cliente

Descoberta – A descoberta acontece durante o primeiro contato do cliente com um produto/serviço, neste caso através da sua loja virtual.

Consideração – Esta é a fase na qual o cliente já conhece o produto mas ainda está avaliando se fará a compra. Nessa fase pode acontecer a pesquisa de preço, busca por avaliações da loja, etc. 

Compra – Nesta fase podemos considerar que tudo deu certo e o cliente finalizou a compra. 

Fidelização – Nessa etapa é importante garantir que toda a experiência foi boa para que o cliente tenha interesse em fazer novas compras. 

Como e onde posso fazer Remarketing para E-commerce? 

Os dados utilizados no remarketing são coletados através de cookies, que são informações do usuário. Através de um aviso de LGPD é preciso informar que o site utiliza cookies e ter o aceite do usuário para ter acesso a eles. Com essas informações será possível criar anúncios mais personalizados. Daí vem a explicação dos banners que aparecem em todas as suas redes sociais mostrando aquele item em específico que você viu em uma loja. 

As campanhas são criadas através de segmentações de perfis. Você pode criar uma campanha para impactar todas as pessoas que abandonaram um carrinho na loja, que visualizaram um produto específico ou que fizeram uma compra de determinado valor, por exemplo. Após isso, será necessário criar listas de cada segmento e usá-las nos anúncios. 

As campanhas de remarketing costumam funcionar muito bem na rede de Display do Google, Storys do Instagram e até por e-mail marketing.

Que tal colocar essas dicas em prática e alavancar os resultados do seu e-commerce? Caso prefira confiar a criação de anúncios a um especialista, a Simples é a parceira ideal para o seu negócio! Usamos inteligência artificial para otimizar o seu investimento. Converse com um de nossos especialistas. 

VAMOS CONVERSAR?

Olá! Eu sou a Ivy e quero entender mais sobre seu projeto!

Responda as perguntas abaixo e um de nossos especialistas entrará em contato com você.